Quase 30 galinhas são ‘presas’ por pertubação de sossego

Na denúncia, os vizinhos alegaram que as galinhas cacarejavam muito alto, impedindo-as de dormir.

As galinhas foram presas e levadas para uma granja onde permanecerão até o final do possível julgamento.

Situação semelhante ocorreu em junho de 2021 no município de Ivaiporã, norte do Paraná. Um galo foi apreendido pela polícia militar depois que um vizinho relatou que o animal estava perturbando sua paz. O vizinho disse na época que havia falado com o dono dos animais, mas nada havia sido feito.

A ave e o dono foram levados para a delegacia. Elcio Antunes da Silva foi liberado após assinar uma ação judicial circunstancial, mas o galo não conseguiu voltar para casa e acabou sendo levado para um abrigo de emergência.

O galo virou notícia no resto do país e a situação inusitada até gerou memes. Com sucesso repentino, o galo acabou sendo comprado por um empresário conhecido de Elcio. Chegou a conceder entrevista ao Balanço Geral Londrina da RICtv. Durante a conversa, Elcio comentou que estava com dificuldades financeiras e dois comerciantes locais decidiram se juntar ao empresário para ajudar na reforma da casa de Elcio.