Lembra dela? Tássia Camargo enfrenta morte cruel da filha, infarto e desaparecimento da TV: “Deixei”

Tássia Camargo fez seção do alto escalão da Globo entre os anos 1980 e 1990, estrelando tramas de peso conforme “Tieta” (1989) e “O Salvador da Pátria” no próprio ano. Sobremodo talentosa e dona de sobremodo carisma, a famosa passou por um grande trauma em 1996 e agora está absolutamente afastada da televisão.

De entendimento com o TV História, a atriz teve passagens pela Band, pela Globo, através SBT e até próprio pela Record, aonde ela teve problemas sérios com os bispos e garantiu que jamais mais pisa por lá. Por fato desse emprego, a loira decidiu se deslocar para Portugal, aonde dá aulas de interpretação e até atua em algumas peças.

A famosa teve seu ápice me novelas conforme “Despedida de Solteiro” (1992), “Quatro por Quatro” (1994), “Anjo de Mim” (1996), “Meu Bem Querer” (1998), “O Cravo e a Rosa”, como Joana (2000).

MORTE DA FILHA

No ano anterior, Tássia Camargo relembrou o seu grande trauma, o falecimento de sua filha, em 1996, com exclusivamente 2 aninhos, vítima de uma enfermidade chamada rubéola congênita tardia.

“Fico a imaginar conforme ela seria hoje. Maria Júlia tem 26 anos para mim. Ao mesmo tempo, quando vejo uma menina com dois anos de idade na rua, idade que ela morreu, fico a apreciar, de distanciado, com os meus pensamentos no passado”, escreveu ela nas redes sociais.

SOFREU INFARTO

Afora disso, a atriz sofreu um infarto em 2019 e precisou ser internada em um hospital de Portugal, onde mora até hoje. Em conferência ao Extra, a famosa contou que não quis mais representar e atualmente faz o que quer. “Eu não quis mais. Minha vida está estabilizada. Posso compor o que eu quero e jamais deixei de atuar”, declarou.

A naturalidade é a máxima sofisticação.

Tássia Camargo e a filha (Foto: Reprodução/Instagram)